PROGRAMAÇÃO
PROGRAMAÇÃO
Notícias
Parasita é a estreia da semana no Cinema do Dragão
Além disso, haverá mais uma pré-estreia de A Vida Invisível e sessões gratuitas do Festival For Rainbow
06/11/19 às 15h42

A 320ª semana de programação do Cinema do Dragão traz de 7 a 13 de Novembro a estreia do filme sul-coreano PARASITA, atual vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes e representante da Coreia do Sul por uma indicação ao Oscar 2020. O longa chega com duas sessões diárias.

 

Além disso, no sábado, às 20h, haverá mais uma sessão de pré-estreia de A VIDA INVISÍVEL, do cearense Karim Ainöuz, e diversas sessões gratuitas do Festival For Rainbow.

 

BACURAU (de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles), O CLUBE DOS CANIBAIS (de Guto Parente), GRETA (de Armando Praça) e PAPICHA (de Mounia Meddour) continuam em cartaz.

 

Vencedor da Palma de Ouro no último Festival de Cannes e dirigido pelo multipremiado cineasta sul coreano Bong Joon-ho (de O HOSPEDEIRO e OKJA), PARASITA é um dos filmes mais esperados de 2019. Estruturado como um thriller cômico sobre a luta de classes e desigualdade social na Coréia, o filme narra as histórias entrecruzadas de duas famílias completamente diferentes: uma rica e uma pobre. Na trama, todos os quatro membros da família Ki-taek estão desempregados, porém uma obra do acaso faz com que o filho adolescente comece a dar aulas privadas de inglês à rica família Park. Fascinados com o estilo de vida luxuoso, os quatro bolam um plano para se infiltrar nos afazeres da casa burguesa. É o início de uma série de acontecimentos incontroláveis dos quais ninguém sairá ileso.

 

Do diretor cearense Karim Aïnouz, o melodrama tropical A VIDA INVISÍVEL é uma adaptação do romance "A vida invisível de Eurídice Gusmão" de Martha Batalha e tem como protagonistas as atrizes Carol Duarte, Julia Stockler e Fernanda Montenegro. Ambientado no Rio de Janeiro durante a década de 40, o filme acompanha a história de Eurídice (Carol Duarte), uma jovem pianista talentosa, mas bastante introvertida. Guida (Julia Stockler) é sua irmã mais velha, e o oposto de seu temperamento em relação ao convívio social. Ambas vivem em um rígido regime patriarcal, o que faz com que trilhem caminhos distintos: Guida decide fugir de casa com o namorado, enquanto Eurídice se esforça para se tornar uma musicista, ao mesmo tempo em que precisa lidar com as responsabilidades da vida adulta e um casamento sem amor com Antenor (Gregório Duvivier).

PARCEIROS