PROGRAMAÇÃO
PROGRAMAÇÃO
Notícias
Dragão do Mar celebra o Dia da Cultura e lança exposição virtual sobre a Marcha Tremembé nesta quinta (5)
Com cerca de 20 imagens, a mostra "Memórias da Marcha Tremembé", do fotógrafo e pesquisador Philipi Bandeira, dá continuidade às ações do projeto "Tapuyas do Siará", selecionado na convocatória Arte em Rede, e conta com apoio do Museu da Cultura Cearense.
30/10/20 às 18h59

     Para celebrar o Dia da Cultura, o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura lançará a exposição virtual "Memórias da Marcha Tremembé -  projeto Tapuyas do Siará", a partir desta quinta-feira (5), às 17h, no site do Dragão do Mar. A mostra reúne cerca de vinte fotografias em filme 35mm colorido (câmera Nikon F3 e filme Fuji Provallue 200), registradas em 2005, durante a 2ª Marcha pela autonomia do povo Tremembé, reunidas com outras imagens do ritual do torém captadas em um encontro anterior de preparação para a Marcha, ambas ocasiões em Almofala. A exposição integra o projeto do fotógrafo e pesquisador Philipi Bandeira, selecionado na convocatória Arte e em Rede, e seguirá em cartaz até 05 de janeiro de 2021. 

     De acordo com o autor, o projeto Tapuyas do Siará partiu do propósito de digitalizar, restaurar e restituir o acervo fotográfico sobre os índios do Ceará, iniciado em 2005 pelo documentarista e antropólogo, a partir de etnografias de campo, ensaios documentais autorais e em coberturas de eventos indígenas que culminaram num notável inventário visual das culturas indígenas cearenses. A Mostra dá continuidade às ações do projeto, iniciado no dia 7 de Setembro, Dia da Independência, com apresentação de roda de torém e debate ao vivo entre as lideranças indígenas responsáveis por museus indígenas no Ceará, programação transmitida no canal do Dragão do Mar no YouTube (www.youtube.com/dragaodomarcentro), como forma de marcar a 17ª edição da Marcha Tremembé, tradicionalmente realizada desde 2003, mas que este ano foi cancelada em virtude da pandemia do novo coronavírus.

     A exposição virtual conta com o suporte técnico e curatorial do Museu da Cultura Cearense (MCC), que através de sua gerência e seu núcleo educativo viabilizaram a montagem, com contribuição significativa de Márcia Bitu Moreno e Ícaro da Silva. Esta é a primeira oportunidade de apresentar parte do trabalho ao grande público cearense. Uma pequena série de fotografias em filme preto e branco sobre o torém que compõem o acervo já foram selecionadas em 2016 para exposições em Recife (Instituto Brennand e Museu da Abolição), João Pessoa (Casarão 34) e Lisboa (Museu Nacional de Arte Contemporânea do Chiado).

 

Ficha Técnica

Exposição Virtual "Memórias da Marcha Tremembé"

Fotografias 35mm: Philipi Bandeira

Digitalização 35mm: Elton Gomes

Tratamento de Imagens: Philipi Bandeira e Eric Braga

Curadoria compartilhada: Márcia Bitu Moreno e Ícaro da Silva (MCC)

 

Sobre o Arte em Rede

     A Convocatória "Arte em Rede" se insere dentro de um conjunto de iniciativas que o Governo do Estado do Ceará, a Secretaria da Cultura do Estado, junto à sua Rede de Equipamentos, e o Instituto Dragão do Mar vêm realizando com o objetivo de promover e movimentar a criação, difusão e economia artística e cultural do Estado, no contexto de medidas de distanciamento social necessárias neste período de pandemia do Coronavírus, incentivando a sustentabilidade do fazer artístico através de iniciativas que contemplem os artistas, grupos, coletivos, companhias e demais profissionais e empreendimentos culturais cearenses.

     O Arte em Rede também integra o Programa Cultura em Rede, previsto no Planejamento Estratégico da Secult, com o intuito de articular, integrar e potencializar os equipamentos culturais do Estado, para estimular o compartilhamento e a colaboração entre os equipamentos vinculados à Secretaria da Cultura, a fim de que possam atuar de forma sistêmica no desenvolvimento e consolidação da política cultural do Ceará.

 

Serviço: Arte em Rede apresenta a exposição virtual "Memórias da Marcha Tremembé -  projeto Tapuyas do Siará" de Philipi Bandeira
Período: 05/11/2020 a 05/01/2021
Horário: 17h
Exibição no site do Dragão do Mar (www.dragaodomar.org.br)
Acesso Livre e Gratuito

PARCEIROS