PROGRAMAÇÃO
PROGRAMAÇÃO
Notícias
Dragão do Mar lança pesquisa de Yasmin Elica sobre cena negra feminina no teatro fortalezense
Voltada a atrizes negras que atuam em Fortaleza, a pesquisa da atriz é parte do projeto selecionado na convocatória Arte em Rede, que resultará em videoaulas exibidas ainda em novembro. O formulário permanecerá disponível até 4 de novembro no site do Drag
26/10/20 às 17h33

A atriz e pesquisadora Yasmin Elica lançou a pesquisa "Cena Negra Feminina: corpos femininos negros no teatro fortalezense". O formulário digital permanecerá aberto até 4 de novembro de 2020, sendo voltado para atrizes que atuam na cena teatral fortalezense, para fins de pesquisa e levantamento de dados, como parte do projeto homônimo selecionado na convocatória Arte em Rede. Interessados em participar devem acessar o link bit.ly/CenaNegraPesquisa ou o site do Dragão do Mar. As respostas, que não serão identificadas ao público, servirão como base para três videoaulas que serão lançadas pela proponente, nos dias 16, 23 e 30 de novembro, às 19h, no canal do Dragão do Mar no YouTube, sendo as duas primeiras aulas gravadas e a terceira realizada ao vivo.

 

Refletindo de que forma os corpos negros femininos compõem e são retratados cenicamente, o projeto propõe a encenação de experiências comuns à cena negra teatral feminina na cidade. Para Yasmin Elica, "a pesquisa-aula retrata a cosmovisão com um recorte específico da mulher negra artista, que parte da experiência da atriz e encenadora e como seu corpo negro feminino é percebido no teatro cearense". 


 

Sobre a artista:

 

Yasmin Elica é licenciada em Teatro pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE (2016), do qual foi bolsista do programa PIBID/CNPQ de iniciação à docência e integrante do grupo de pesquisa Poéticas do Corpo, regido pela Profa. Dra. Mônica Marçal. É pós-graduanda em Psicomotricidade Relacional no Centro Internacional de Análise Relacional (CIAR), onde desenvolve sua pesquisa a partir de um paralelo entre expressividade corporal cênica e expressividade psicomotora relacional. Atualmente se dedica à pós-graduação em História e Cultura Afro-brasileira no Instituto Nacional de Ensino (INE). Estudou diferentes vertentes teatrais ao longo de sua carreira, participando de trabalhos em diferentes funções como atriz, diretora e bailarina. É Formada pelo Curso Princípios Básicos de Teatro - Theatro José de Alencar (2008), foi aluna da escola Porto Iracema das Artes em produção cultural e em percursos formativos e teatro e dança. É Diretora de cena na Blitz Intervenções, onde trabalha com eventos sociais e corporativos. É professora na rede privada de ensino em Fortaleza, lecionando aulas extracurriculares de Teatro e Expressão Corporal.

 

 

Sobre o Arte em Rede

 

A Convocatória "Arte em Rede" se insere dentro de um conjunto de iniciativas que o Governo do Estado do Ceará, a Secretaria da Cultura do Estado, junto à sua Rede de Equipamentos, e o Instituto Dragão do Mar vêm realizando com o objetivo de promover e movimentar a criação, difusão e economia artística e cultural do Estado, no contexto de medidas de distanciamento social necessárias neste período de pandemia do Coronavírus, incentivando a sustentabilidade do fazer artístico através de iniciativas que contemplem os artistas, grupos, coletivos, companhias e demais profissionais e empreendimentos culturais cearenses.

 

 O Arte em Rede também integra o Programa Cultura em Rede, previsto no Planejamento Estratégico da Secult, com o intuito de articular, integrar e potencializar os equipamentos culturais do Estado, para estimular o compartilhamento e a colaboração entre os equipamentos vinculados à Secretaria da Cultura, a fim de que possam atuar de forma sistêmica no desenvolvimento e consolidação da política cultural do Ceará. 


 

Serviço: "Cena Negra Feminina: corpos femininos negros no teatro fortalezense"

Pesquisa 

Onde responder: bit.ly/CenaNegraPesquisa

Aberta até o dia 4 de novembro de 2020

PARCEIROS